VOLTAMOS AO HORÁRIO NORMAL

Voltamos ao nosso horário normal de atendimento na loja:

SEGUNDA a SEXTA das 09h às 19h
SÁBADOS das 09h às 13h

AVISO SOBRE AS ENTREGAS

Faça seu pedido preferencialmente através do site! As entregas são de SEGUNDA a SÁBADO*, e nosso prazo de entrega é de ATÉ UM DIA ÚTIL após o recebimento do pedido!

*às segundas, entregas somente no período da tarde, e aos sábados, somente no período da manhã – demais dias entregas em horário comercial

De segunda a sexta, pedidos recebidos até as 15h serão entregues no mesmo dia, e após este horário serão entregues no dia seguinte. Aos sábados, serão entregues no mesmo dia somente os pedidos recebidos até às 11h – após este horário, serão entregues na segunda-feira à tarde.

NOSSA LOJA EM TEMPOS DE CORONAVÍRUS

252105

NOSSA LOJA EM TEMPOS DE CORONAVÍRUS

Informamos que, por sermos um comércio considerado essencial, PERMANECEMOS ABERTOS EM HORÁRIO NORMAL, mesmo em períodos de quarentena.
Pedimos a todos a colaboração para que possamos minimizar ao máximo qualquer risco de contaminação tanto da nossa equipe quanto de nossos clientes!

* USO OBRIGATÓRIO DE MÁSCARA, conforme Decreto Estadual n° 64.959, de 04/05/2020
* se tiver qualquer sintoma ou seja de grupo de risco, fique em casa e solicite a entrega em domicílio
* vá às compras somente uma pessoa por família, e evite levar crianças e idosos
* ao chegar na loja, higienize suas mãos
* mantenha distância de no mínimo 2m de outras pessoas e evite contato físico
* não se apoie sobre o balcão do caixa
* dê preferência para pagamento por cartões ao invés de dinheiro, para reduzir o manuseio
* o limite de clientes dentro da loja é de três pessoas, então caso já esteja nessa lotação máxima, pediremos que aguarde a saída de alguém para entrar
* você pode visualizar em nosso site todos os produtos disponíveis, e pedir para separarmos para que você possa somente retirar na loja, inclusive sem sair do seu carro (drive-thru) – no site há opção “retirar na loja”, ou você pode encomendar via Whatsap se preferir

Nosso pessoal também está cuidando bem da higiene na loja para minimizar os riscos! Vamos cada um de nós fazer a nossa parte!

Entregas em domicílio de segunda a sábado, e pedidos para retirada na loja a qualquer tempo! Peça pelo site ou pelo Whatsapp (16) 98188-5650

HORÁRIOS ESPECIAIS NA QUARENTENA

HORÁRIO ESPECIAL
A partir de 24/03, durante o período de quarentena, estaremos com horário diferenciado na loja

SEG. A SEX. 09h – 17h
SÁBADOS 09h – 13h

Lembramos que também entregamos em domicílio de segunda a sábado, e também há opção de fazer um pedido para retirar na loja! Compre preferencialmente pelo site, ou envie pelo Whatsapp (16) 98188-5650

ÁGUA, um líquido essencial à vida!

A IMPORTÂNCIA DE BEBER ÁGUA

O que dizer desse líquido essencial para a vida?! Sem ele não se desperta, não se respira, não se renova, não se pensa e não se desintoxica! Somos compostos por aproximadamente 70% de água, aquele componente fundamental de todas as células do organismo, também componente do plasma sanguíneo, sendo responsável, portanto, pelo transporte de nutrientes, oxigênio e sais minerais para as células. Ela ajuda a regular a temperatura corporal e o funcionamento dos órgãos, elimina toxinas, ajuda na lubrificação de mucosas e, por ser um solvente, age como um veículo de transporte de nutrientes, ou seja, sem ela não ficamos apenas desidratados, mas também contribuímos para ficarmos desnutridos.

A água também garante a proteção de algumas estruturas do corpo. O líquor encontrado entre as meninges do cérebro, por exemplo, previne impactos que podem desencadear graves danos ao sistema nervoso. Além disso, podemos citar o líquido presente nas articulações que evita o atrito entre os ossos, o líquido amniótico, que protege o embrião em desenvolvimento, e as lágrimas, que evitam o ressecamento das córneas e realizam sua limpeza.

Além disso, a água também exerce papel primordial na eliminação de substâncias tóxicas. É principalmente por meio da urina, que é 95% composta de água, que liberamos para fora do corpo substâncias que estão em excesso ou que não possuem função no nosso organismo.

A hidratação é fundamental! As fibras alimentares têm uma forte relação com a nossa hidratação, e são muito importantes para o funcionamento do intestino, pois ali absorvem água e aumentam a quantidade de bolo fecal, deixando as fezes mais macias, o que facilita a evacuação. Sabia que na falta de água nosso intestino reabsorve parte da água utilizada na formação desse bolo fecal? Pode até parecer meio “nojento”, mas nosso organismo só quer tentar nos fazer “funcionar” melhor dentro das condições que o colocamos, com nossas escolhas alimentares e até mesmo no hábito adquirido em mantê-lo hidratado!

Um fato muito interessante sobre a água é que, quando se sente sede, o organismo já está em processo de desidratação! E como a água não pode ser armazenada em nosso corpo, é fundamental a disciplina de ingeri-la constantemente, para que haja um balanço entre o que é ingerido e o que se perde, principalmente, através da transpiração e eliminação de urina e fezes.

Vale destacar ainda que a quantidade de água a ser ingerida por uma pessoa está relacionada também com as atividades que ela realiza e com o seu estado de saúde. Além disso, o clima também influencia, mas a média fica entre 30 a 40 ml/kg de peso. Em dias quentes, por exemplo, devemos beber mais água, o que também é válido para pessoas que realizam atividades físicas e aquelas que transpiram bastante.

Resumidamente, espero que você, caro leitor, já esteja mais que ciente da importância dessa substância não apenas ao seu lado, ou no bebedouro no final do corredor, mas dentro de sua disciplina, sua meta ou ainda melhor… dentro de você!

 

CHÁ VERDE – Camellia Sinensis (L.)

O chá é uma bebida que perde apenas para a água como a bebida mais consumida no mundo. Dentre os alimentos funcionais, o chá é uma bebida amplamente utilizada, apresentando um consumo mundial per capita de, aproximadamente, 120mL/dia. O chá verde é rico em polifenóis, principalmente catequinas.
Dependendo do processamento da folha da Camellia sinensis (L.), são obtidas algumas diversidades de chá, como o preto, o Oolong, o verde e o branco. O chá branco é o menos processado e industrializado de todos os chás. O chá preto passa por um processo de oxidação, em que as folhas se modificam em contato com o oxigênio. No chá Oolong, as folhas são submetidas à oxidação parcial. No chá verde, as folhas passam pelo processo de fixação para interromper a oxidação.
O chá verde contém componentes polifenólicos, que incluem flavonols, hidroxil-4-flavanls, antocianinas, flavonas, flavanóis, ácidos fenólicos e particularmente flavan-3-ois, que totalizam cerca de 30% do peso seco das folhas. A maioria dos polifenóis do chá verde se apresentam como flavanóis, e dentre estes, predominam as catequinas. Uma típica bebida de chá verde, preparada em uma proporção de 1 grama de folhas para 100mL de água por 3 minutos de fervura, geralmente, contém cerca de 35-45 mg/100mL de catequinas e 6 mg/100mL de cafeína, dentre outros constituintes.
O chá verde também contém uma quantidade que varia de 10 a 80mg de cafeína por xícara de 60mL, quantidade que pode ser comparável ao café, dependendo da marca, do tipo e da forma de preparo. Com relação à biodisponibilidade das catequinas, sugere-se que a ingestão deva ocorrer várias vezes ao dia, em uma dieta fracionada, para proporcionar um efeito benéfico à saúde.
Estudos recentes revelaram que chás verde e branco têm atividades biológicas positivas contra doenças crônicas como câncer, síndrome metabólica, obesidade, hipertensão, diabetes tipo 2, doenças cardiovasculares e neurodegenerativas, entre outras.
Dentre uma variedade de efeitos benéficos do chá verde, grande atenção tem sido dada à redução da gordura corporal. Evidências sugerem que o extrato do chá verde contendo 25% de suas catequinas possa reduzir o apetite e aumentar o catabolismo de gorduras. As doses de chá verde que surtem tais efeitos variam largamente, mas geralmente ficam em torno de 3 copos por dia, equivalente a, aproximadamente, 240 a 320mg de polifenóis.
A fim de obter os efeitos benéficos do chá verde à saúde, como na prevenção e/ou tratamento das doenças já relatadas, seu consumo deve ser de 4-6 xícaras de chá verde ao dia. A forma de preparo também deverá ser considerada, devendo-se esquentar a água até pouco antes da ebulição e despejá-la nas folhas de chá bem devagar e do alto, o que ajuda na redução do processo oxidativo. A infusão deverá ficar abafada por um período de 2-3 minutos. O armazenamento por longo tempo também não é recomendado, pois ocorre perda dos compostos fenólicos. A proporção de água e ervas deve ser a seguinte: para cada litro de água, quatro colheres de sopa de erva fresca ou duas colheres de erva seca. Outra sugestão é que deve ser consumido entre as refeições para não interferir na biodisponibilidade de nutrientes provenientes das grandes refeições.
Frente ao exposto acima, não restam dúvidas que adicionar o chá verde em sua dieta trará não somente benefícios, mas também muito mais prazer à sua vida, pois estudos relatam que a temperatura influencia nosso estado de humor, e ainda algumas misturas aumentam o GABA (neurotransmissor que relaxa e induz a tranquilidade).
Sem falar que auxiliam na digestão, absorção e biodisponibilidade de alguns nutrientes. Outra razão para utilizar as misturas, é agregar sabor aos pratos, alquimias muito exploradas na gastronomia. Vale lembrar que devemos ter cautela no consumo dos mesmos, não ultrapassando a quantidade de 600 ml /dia, uma vez que podem interferir na absorção de alguns nutrientes como o cálcio e o ferro.

Para sair do chá tradicional, segue uma receita de smoothie de chá verde!

Smoothie de Chá verde
Ingredientes:
½ xícara de chá verde gelado;
½ xícara de leite de amêndoas;
1 col. chá de canela;
1 col. sopa de mel;
½ banana;
Modo de preparo:
Bater tudo no liquidificador até ficar homogêneo.

*Texto da Nutricionista Iara Marcondes Blanco, nutricionista clínica e funcional, e autora da página Sem Restrições

*Vem pra Orgânicos São Carlos buscar seu chá!!

OSC 10 ANOS COM VOCÊ

ESTAMOS COMPLETANDO 10 ANOS 🥳
Neste mês de Setembro de 2019 a ORGÂNICOS SÃO CARLOS completa 10 ANOS!!! 🥳🤩😍 Fique de olho nas postagens, pois iremos ter várias PROMOÇÕES pela frente para comemorar!!🤑👏
E aproveitamos aqui para agradecer a todos nossos clientes, pois é graças a cada um de vocês que estamos aqui!! E que venham por aí mais décadas!!! 😄🎂🎉 OSC 10 ANOS COM VOCÊ!

PALMITO, sabor e muitos benefícios!!

Rico em potássio, seu consumo ajuda a controlar a pressão arterial e os batimentos cardíacos. Possui ainda cálcio, ferro, fósforo, magnésio, vitamina A, vitamina B e vitamina C, que ajudam a manter o bom funcionamento do organismo. É um alimento saudável, natural e de poucas calorias. Uma porção de 100 gramas conta com apenas 30 calorias, e pode ser consumido em planos para perda de peso sem prejuízo.
Entre seus tipos, podemos encontrar os extraídos do caule de quatro espécies de palmeiras: juçara, pupunha, açaí e palmeira real. O palmito juçara é nativo da Mata Atlântica e a planta demora de 8 a 12 anos para produzir um palmito de qualidade. A espécie juçara nasce em um único tronco, enquanto outras formam touceiras. A extração do palmito juçara implica na morte da palmeira, pois seu meristema apical é eliminado. Nas espécies pupunha e açaí isso não ocorre, pois a árvore do palmito possui brotos que saem do tronco principal. Por isso, a espécie Euterpe edulis (palmito juçara), encontra-se em risco de extinção. A palmeira real é originária da Austrália e se adaptou bem ao clima e ao solo brasileiros, e seu palmito é o mais semelhante ao juçara.
O cultivo do palmito pupunha é uma alternativa para diminuir a ameaça de extinção do juçara, já que pode ser extraído após 18 meses do plantio e não sacrifica a palmeira. A preservação da palmeira juçara é importante para a manutenção da biodiversidade da Mata Atlântica, uma vez que sua semente e fruto servem de alimento para diversos animais ali existentes.
O palmito, além de ser um alimento saboroso e pouco calórico, possui diversos nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo. Rico em minerais como cálcio, ferro, fósforo, potássio e magnésio, e vitamina A, vitamina B e vitamina C, as propriedades do palmito vão desde melhorar o bom funcionamento do intestino e ser um bom auxiliar no emagrecimento, fortalecendo o sistema imunológico, até melhorar a pressão arterial e os batimentos cardíacos.
O palmito é fonte de zinco, mineral fundamental para os músculos, já que ajuda na síntese de proteínas. Além do zinco, o palmito oferece 1,8 gramas de proteínas, o que o torna indispensável no prato de quem quer ganhar massa. Fonte de potássio, ele fornece a quantidade diária desse mineral. O potássio é importante para a saúde do coração, pois é capaz de ajustar a frequência de batimentos cardíacos e regular a pressão arterial.
A riboflavina presente no palmito favorece a composição sanguínea, uma vez que atua na produção de células vermelhas e fortalece o organismo como um todo, contribuindo com o bem-estar e melhorando o desempenho. Melhora também a metabolização de gorduras, proteínas e carboidratos. As vitaminas do complexo B melhoram o humor e combatem os efeitos da depressão. A Vitamina C fortalece as defesas do organismo e também contribui para a melhor absorção de ferro.
Em relação às fibras que encontramos em sua composição, podemos garantir que seu consumo moderado melhora o trânsito intestinal, alivia os desconfortos causados por inchaço, previne a constipação e até mesmo as hemorroidas. As fibras também ajudam a controlar os níveis de açúcar no sangue e reduzir o colesterol “ruim”, já que controlam a absorção de nutrientes.
Os palmitos podem ser consumidos frios acompanhando saladas ou cozidos em diversas receitas e recheios de salgados, como pastéis, tortas, empadas, etc. Como os palmitos são normalmente comercializados em conserva de salmoura industrializada, eles contêm uma porção significativa de sódio e deve ser consumido com cautela por pessoas que tentem a reter líquido.

Acerte na escolha…
O palmito pupunha é o mais fácil de se encontrar, em conserva ou fresco. Independente da espécie, todos possuem as mesmas características, o mesmo formato e os mesmos nutrientes. Qualquer que seja sua escolha, procure optar pelos que vêm em potes de vidro, pois assim você pode verificar os pedaços e a coloração da água. Verifique o tamanho dos pedaços, se eles são regulares e as camadas estão uniformes e de mesma textura. Palmito muito fino significa que não se esperou o tempo correto para extração e, provavelmente, foi extraído ilegalmente ou de maneira aleatória. Procure na embalagem o registro no Ministério da Saúde e IBAMA, isso significa que tem sua origem de uma plantação planejada e não é exploratório.
Não compre se a tampa estiver amassada ou estufada, nem se a água estiver colorida, branca ou turva, pois isso pode ser sinal de contaminação. Pedaço de palmito que flutua significa falta de oxigenação e que ele está duro.

TORTA FUNCIONAL DE PALMITO COM ERVILHAS
Ingredientes:
1 xícara de chá de farinha de grão de bico
2 xícaras de chá de farinha de amêndoas
2 colheres de sopa de chia
4 colheres de sopa de azeite
Sal e pimenta do reino a gosto
Misturar todos os ingredientes e logo após acrescente a água aos poucos até dar consistência de massa podre.
Para o recheio
1 pote de palmito
1 dente de alho
1 colher de sopa de azeite
Sal e pimenta do reino a gosto
1/2 cebola picada
1/2 xícara de ervilhas frescas
Modo de Preparo:
Primeiramente, pique os palmitos e refogue com as ervilhas, azeite, sal, cebola e por último alho.
Em seguida, modele a massa em uma forma de silicone e asse em forno médio, pré aquecido, por 20-30 minutos.
Por fim, coloque uma camada do recheio e asse por mais 20 minutos.

MOQUECA DE PALMITO (VEGANA)
Ingredientes:
6 tomates
3 cebolas médias
2 dentes de alho
1 maço pequeno de coentro
½ litro de leite de coco
azeite
1 vidro grande de palmito
1 pimentão
sal a gosto
farinha de mandioca fina
arroz para acompanhar
Modo de Preparo:
Cortar a cebola, o tomate e o pimentão em rodelas socar o alho e colocar um pouco de óleo na panela.
Coloque o alho, quando começar a dourar, jogar a cebola.
Quando a cebola começar a cozinhar, jogar tomate.
Colocar um pouco de água para o molho, quando o molho começar a pegar cor, jogar o pimentão formando assim, um molho tipo cachorro quente.
Em seguida um copo de leite de coco e os palmitos cuidadosamente na panela.
Quando começar a ferver, jogar uma colher de sopa de azeite e em seguida coentro.
Mais um copo de leite de coco, tampar a panela, deixar cozinhar o palmito e está pronto.
Bom apetite!!!

*Texto da Nutricionista Iara Marcondes Blanco, nutricionista clínica e funcional, e autora da página Sem Restrições
*Aqui na Orgânicos São Carlos tem palmito fresco e em conserva!! Delícia!!

MORANGO, delicioso e cheio de saúde!!

🍓 Considerado uma ótima fonte de vitaminas, minerais e compostos antioxidantes e flavonóides. Dentre seus benefícios consideráveis para a saúde, inclui-se a diminuição do colesterol e pressão arterial, a inflamação reduzida, a diminuição do stress oxidativo e a prevenção do câncer. Só perde para a ameixa como fruta mais rica em fenólicos e antioxidantes.
🍓 O câncer é uma doença na qual as células do nosso organismo, por terem sofrido mutações no seu DNA, se dividem sem controle e adquirem propriedades, durante esse processo de divisão descontrolada, de invadir outros tecidos e de não morrer. Pesquisadores de Harvard descobriram que o morango tem qualidades protetoras em relação a vários tipos de câncer.
🍓 Em um estudo celular revelou-se que extratos de morango diminuíram significativamente o crescimento de células de câncer do cólon e da mama. Verificou-se ainda que os morangos inibem a formação de tumores de câncer oral em animais e em células de câncer do fígado humano, em outro estudo científico realizado em 2013.
🍓 Os morangos organicamente cultivados tiveram um efeito antiproliferativo significativamente superior ao alcançado pelos morangos convencionalmente cultivados, devido ao seu elevado nível de antioxidantes, defendendo-se aqui ainda mais a importância de se consumir os de origem orgânica.
🍓 Eles ainda ajudam a evitar grandes picos de açúcar no sangue e níveis de insulina, ou seja, morangos não causam grandes picos de níveis de açúcar no sangue, sendo considerado um alimento seguro para diabéticos.
🍓 Em relação às fibras, os morangos têm em torno de 26% do teor de carboidratos em forma de fibras, que são de extrema importância para alimentar as bactérias amigáveis no intestino, melhorando a saúde digestiva, auxiliando na perda de peso, e também consequentemente prevenindo algumas doenças.
🍓 Os morangos parecem retardar a digestão de glicose e reduzir os picos de glicose e insulina após uma refeição rica em carboidratos, em comparação com uma refeição rica em carboidratos sem morangos.
🍓 Os morangos também podem melhorar o estado antioxidante do sangue, diminuir o stress oxidativo, inibir a inflamação, melhorar a função vascular, melhorar o perfil lipídico do sangue e reduzir a oxidação nociva do colesterol LDL. A sua prevenção é obra da antocianina (pelargonidina) dos morangos, que gera a sua coloração avermelhada brilhante, apresentando grandes benefícios na prevenção da saúde cardiovascular.

*Texto da Nutricionista Iara Marcondes Blanco – nutricionista e autora da página Sem Restrições

*Aqui na Orgânicos São Carlos tem MORANGOS ORGÂNICOS, pra você se deliciar com saúde total!!

QUINOA, muita riqueza dentro desses grãos!!

O mais proteico dentre todos os cereais, com aproximadamente 15% de proteína, composta também por 70% de carboidratos de baixo índice glicêmico (o que evita a produção em excesso de insulina, prevenindo a deposição de gordura), pouca gordura e isenta de glúten, o que desperta ainda mais sua procura por pessoas sensíveis ao glúten e celíacos.
Um pseudocereal (Chenopodium quinoa) cultivado em diversas partes do mundo, principalmente nas regiões andinas, Bolívia, Peru, Equador, Colômbia e Chile, além de ser largamente difundido na América do Sul em função do seu teor nutricional e da sua ampla gama de aplicação na culinária.
Vale ressaltar que há mais de 8000 variedades de quinoa conhecidas, cuja cores variam desde o amarelo pálido ao preto, passando pelo vermelho e o castanho, e isso a torna ainda mais variada em relação aos seus valores nutricionais. O grão é macio e cremoso, de sabor suave e uma textura fofa, leve e macia, semelhante à do cuscuz. A quinoa encontra-se comercialmente em grãos, farinha ou flocos, e vem sendo consumida na forma de “quinoto”, risoto confeccionado com quinoa em vez de arroz.
Seu aporte de fibras alimentares, em torno de 8,9%, pode auxiliar na saúde intestinal, bem como na redução dos níveis de colesterol e no controle da glicemia. Sua utilização pode se dar no preparo de pães, sopas, tortas, biscoitos, massas, saladas e até de bebidas.
, sendo que os derivados desses últimos compostos possuem ações antimicrobiana, auxiliando no sistema imunológico, e antioxidante, promovendo redução na quantidade de radicais livres e, consequentemente, melhora na integridade celular. Por sua vez, os polifenóis se destacam por suas propriedades protetoras contra doenças cardiovasculares.
Entre estes aminoácidos presentes está a lisina, que fortalece a imunidade, e está relacionada ao desenvolvimento da inteligência, da rapidez de reflexos e de outras funções como a memória e a aprendizagem. Também contém triptofano, aminoácido capaz de liberar no cérebro a serotonina, substância promovente da sensação de alegria e bem-estar.
Entre suas vitaminas, destacam-se a vitamina A, aquela indispensável para a saúde dos olhos, B1, B2 e B3, aquelas ainda mais importantes para o bom funcionamento do sistema nervoso central, B6 – ligada aos processos inflamatórios, E e C (antioxidantes, responsáveis por prevenir danos às nossas células).
E entre seus minerais, o ferro (previne anemia), fósforo e potássio (ligado ao bom funcionamento dos músculos), magnésio (relacionados aos processos anti-inflamatórios), zinco (constituinte do sistema imune), cálcio (contribui para boa formação dos ossos e dentes) e manganês (desenvolvimento de ossos, cicatrização de feridas e ação antioxidantes).
E para completar ainda mais, apresenta ômega 3 e 6, que contribuem para saúde cardiovascular e possuindo ainda ação anti-inflamatória.
Possui fitoestrógenos, substâncias naturais que imitam a ação de certos hormônios, ajudando a amenizar os sintomas da TPM e complicações da menopausa (osteoporose, câncer de mama e doenças do coração).
De forma geral, seu consumo regular ajuda a combater anemias, constipação intestinal, problemas urinários, tuberculose e doenças do fígado. Atua também na redução de danos gastrointestinais, na integridade do sistema imunológico, na regulação das funções cardiovasculares, no controle da diabetes, nos processos de cicatrização e como normalizador da próstata e órgãos reprodutores masculinos.
Sim, o melhor e mais completo alimento de origem vegetal, foi assim que o Food and Agriculture Organization (FAO) a considerada! Indicada para todas as pessoas que buscam na alimentação saudável e equilibrada, a manutenção e longevidade positiva de sua saúde. Vegetarianos, atletas, crianças, pessoas com alimentação restrita ou que apresentem alguma complicação de saúde que a quinoa possa auxiliar.

DICAS DE UTILIZAÇÃO DA QUINOA
A quinoa em sementes e em farinha deve ser conservada de preferência num recipiente fechado na geladeira. Use as sementes no prazo de um ano e a farinha dentro de 3 meses.
Os grãos devem ser lavados antes de consumidos para retirar as saponinas, que ficam na camada externa da semente. As saponinas dão um sabor amargo aos grãos e podem levar ao aparecimento de espuma na água. Na América do Sul, a saponina que é removida da quinoa é usada como detergente para lavar roupa e como antisséptico para promover a cicatrização de ferimentos na pele.
Tenha cuidado de não adicionar água demais ou cozinhá-la por muito tempo, pois a quinoa pode ficar empapada. A quinoa leva apenas 15 minutos para cozinhar!
Torre numa frigideira seca por 5 minutos as sementes, caso queira dar mais sabor.
Excelente para pratos quentes, como sopas, guisados, ou em pratos frios como saladas.

RECEITA DE QUINOTO DE ESPINAFRE À MINEIRA

Ingredientes:

½ xic de quinoa em grãos
1 maço de espinafre
100 grs de queijo de minas
½ cebola
3 dentes de alho
Azeite de oliva
1 xic não muito cheia de castanha do pará (eu usei um pouco de castanha e um pouco de macadâmia)
Noz moscada
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:

Coloque água para ferver para cozinhar a quinoa. Quando estiver fervendo adicione a quinoa já lavada.
Lave e separe as folhas de espinafre.
Pique a cebola e o alho e doure no azeite, quando estiverem douradas adicione as folhas de espinafre, deixe em fogo médio e tampe para abafar, mexa de vez em quando até todas as folhas murcharem, tempere com sal e noz moscada.
Bata no liquidificador as castanhas com 1 xic de água quente. Bata bem e não coe.
Quando a quinoa começar a se abrir mas ainda estiver durinha, escorra e volte a panela, agora adicione o leite de amêndoas e deixe ela acabar de cozinhar. O líquido não será todo absorvido, se achar que tem necessidade, adicione um pouquinho de água.
Por fim, adicione o espinafre, e o queijo já processado em cubos, misture bem. Acerte o sal se sentir necessidade e está pronto!
Um quinoto cremoso, saboroso e cheio de nutrientes!
Bom apetite!

*Texto e receita da Nutricionista Iara Marcondes Blanco, nutricionista clínica e funcional, e autora da página Sem Restrições

*Aqui na Orgânicos São Carlos tem quinoa e muitos ingredientes pra você preparar receitas deliciosas e super nutritivas!!